Estomatite

0
891

Estômato é uma palavra de origem grega que significa boca, abertura anterior do aparelho digestivo, onde começa a digestão.

O processo inflamatório que acomete a mucosa bucal é conhecido como Estomatite, podendo ter etiologias infecciosas, autoimunes, traumáticas, neoplásicas, reações medicamentosas, entre outras.

Com maior incidência no inverno, essa patologia é mais comum em crianças a partir dos seis meses até cinco anos e nos indivíduos imunodeprimidos.

Cupom de Desconto Farmadelivery

Pode ser classificada em:

Aftosa – Geralmente surge quando o sistema imunológico está enfraquecido, causando úlceras, aftas, feridas e sinais flogísticos na mucosa.

Herpética – Também conhecida como gengivite herpética, acomete mais as crianças no primeiro contato viral.

Fatores de risco:

  • Lesões na boca;
  • Aparelho dentário;
  • Traumatismo bucal;
  • Gengivite;
  • Uso de álcool;
  • Tabagismo;
  • Doenças autoimunes;
  • Patologias gastro intestinais;
  • Infecções virais, bacterianas ou fúngicas;
  • Quimioterapia;
  • Radioterapia;
  • Hipovitaminoses.

Sinais e sintomas:

  • Úlcera bucal;
  • Vermelhidão na mucosa da boca e língua;
  • Dor localizada;
  • Inapetência alimentar;
  • Dificuldade na ingestão de alimentos;
  • Irritabilidade;
  • Gânglios regionais;
  • Febre;
  • Cefaleia.

O diagnóstico é feito através da história clínica, exame físico, podendo ainda ser solicitados exames laboratoriais de sangue, swab bucal e anátomo patológico.

SAIBA MAIS:

  • As feridas costumam ter de um a cinco milímetros de diâmetro, possuem aspecto amarelado/ acinzentado por dentro e avermelhado por fora;
  • Costumam durar no máximo 15 dias;
  • A dor pode levar a inapetência e salivação;
  • As gengivas podem causar sangramento;
  • Por mais que cause desconforto, mantenha a escovação dentária em dia;
  • Não fume;
  • Diminua o consumo de álcool;
  • Utilize bebidas que não contenham gás, não sejam ácidas e preferencialmente geladas, como água, iogurte e sorvete;
  • Não utilize temperos ácidos e ardidos;
  • Macarrão na manteiga, purê de batata ou de mandioca são boas opções;
  • Infecções secundárias podem ocorrer;
  • A complicação mais conhecida é a desidratação;
  • Permanecer em repouso e seguir uma dieta balanceada é o melhor que se pode fazer;
  • Geralmente o vírus responsável é o do herpes simples e esse vírus permanece no corpo mesmo após o desaparecimento dos sintomas.

Fique atento! Em caso de dúvidas procure um médico ou dentista.

Conheça o Departamento de Saúde e Bem-Estar da Farmadelivery.