Lentes de contato: qual a melhor maneira de higienizar as suas?

As lentes de contato são uma boa alternativa para quem não gosta de usar óculos de grau, gosta de ter opções para revezar aos modelos tradicionais ou necessita para a prática de esportes, entre outras atividades realizadas durante o dia.

Mas, na hora de escolher qual é a melhor opção entre lentes de contato e o óculos de grau, muitas questões precisam ser levados em conta antes de tomar uma decisão definitiva. E entres esses fatores estão: o orçamento, o estilo de vida, o conforto, a identidade pessoal, a disponibilidade de cuidado com a ferramenta e claro, a estética. 

Lente de contato
Lente de contato

Há diversos modelos de lentes de contato, e mesmo que nenhum seja superior ao outro, é fundamental prestar muita atenção para escolher o tipo de lente que irá se adequar melhor a sua rotina. 

Veja neste artigo, quais os modelos de lentes de contato que estão presentes no mercado, como elas funcionam e quais os cuidados essenciais para conservar tanto a saúde dos seus olhos quanto o produto escolhido.

A higienização das lentes de contato é um dos fatores que merece mais atenção, muito mais além do que o conforto ou a beleza. Confira abaixo alguns detalhes!

Como funcionam?

Essa ferramenta tem a mesma função do óculos de grau. No entanto, a grande diferença é que as lentes de contato são colocadas diretamente na película de lágrimas do globo ocular. 

É um produto fabricado para pessoas que possuem transtornos visuais. Como por exemplo: astigmatismo, hipermetropia, miopia ou presbiopia (também comumente conhecida como “vista cansada”).

Lente de contato: é preciso prestar atenção
Lente de contato: é preciso prestar atenção

Antigamente, esse tipo de produto foi desenvolvido com o objetivo de proteger os olhos e não para reparar e melhorar a visão. Sem mencionar que, as lentes eram produzidas com um material rígido e que provocava um certo desconforto para quem a utilizasse.

Foi apenas nos anos 70 que desenvolveram as lentes de contato maleáveis e gelatinosas, parecidas com os modelos que conhecemos nos dias atuais. 

Composição das lentes

Veja quais materiais é possível de se encontrar no produto:

Fluorsilicone e Fluorcarbono: São materiais usados para criar estabilidade ao produto e assegurar ainda mais a vinda e conservação do gás oxigênio nas lentes. 

Hidroxietilmetacrilato (HEMA): Tem como função possibilitar a capacidade de hidratação do produto e a penetrabilidade do oxigênio. É usada especialmente nas lentes gelatinosas. 

Silicone Hidrogel: Composição relacionada ao silicone, mas um alto grau de penetração ao oxigênio, o que possibilita a oxigenação das córneas. 

Água: Da mesma forma que o material citado acima, também proporciona a capacidade de oxigenação dos olhos, sem mencionar que os mantém hidratados. Tende a estar presente em 60% da composição das lentes. 

É possível encontrar muitos pontos positivos nas lentes com relação aos óculos de grau. Inclusive, em alguns casos, as lentes podem executar melhor a função de correção de certos transtornos visuais, assim como quem é diagnosticado com ceratocone. 

São indicadas para as pessoas que praticam atividades físicas ou esportes, uma vez que dão mais liberdade para os movimentos, não prejudicam a visão, levando em conta que não embaçam ou molham, e contribuem para a correção do campo de visão como um todo, que é a visão periférica.

Os cuidados com as lentes de contato 

Mas, como todo produto precisa de cuidados básicos, com as lentes de contato não é diferente, especialmente no momento da higienização

Há diversos modelos de lentes de contato e as diferenças, como foi citado acima, vão dos materiais que são utilizados – híbridas, gelatinosas ou rígidas – e até mesmo a vida útil do produto – diária, quinzenal, mensal e anual. Os produtos para realizar a limpeza são desenvolvidos conforme o material de fabricação.

como trocar as lentes de contato

A solução multiuso é chamado dessa forma por ter muitas funções ao mesmo tempo, assim como limpar o produto, lubrificar e conservar, além de agir na desinfecção e retirada de proteínas das suas lentes gelatinosas. E para as lentes de contato rígidas, há opções como o Opti-Free ou Renu.

Mas, antes de investir em qualquer tipo de produtos para as suas lentes de contato, procure por uma orientação profissional de um oftalmologista especializado no assunto.

É muito comum encontrar pessoas que optam por lentes de contato e usam de maneira irregular. A lente diária, utilizam por mais de uma semana; as de 15 em 15 dias por mais de mês e por aí vai. Porém, este não é o único erro entre os consumidores. Errar na higienização pode provocar danos ainda maiores para o produto e para a saúde dos olhos. 

Lentes de contato limpas é sinônimo de olhos saudáveis.

Mantenha esse conceito sempre em mente e sigas as dicas citadas abaixo. Além de estar ciente dos modelos de lentes que podem ser encontradas no mercado, é essencial saber cuidar dessa importante ferramenta, mantendo sempre limpas, para evitar as complicações e contaminações futuras em sua saúde. 

Confira alguns cuidados básicos para ter com as lentes de contato

  • Armazená-las de forma correta: geralmente o produto vem acompanhado de um suporte próprio para serem mantidas em proteção enquanto não estiverem sendo utilizadas. Isso irá auxiliar na preservação das lentes de contato por mais tempo.
  • Limpar o suporte das lentes: ao comprar as suas lentes, é normal que elas sejam acompanhadas por uma solução própria (de acordo com o material de produção) para a limpeza das mesmas. Utilize-a para limpar o seu suporte regularmente. Dessa forma, você evita uma possível infecção e contaminação nos olhos.
  • Utilize a solução correta: esse produto é desenvolvido especialmente para essa função, então é orientado que apenas ele seja usado para realizar a sua função. Procure evitar o soro fisiológico.
  • Procure ao máximo não esquecer de retirar as suas lentes de contato: é fundamental removê-las ao final do dia. O uso prolongado e constante pode provocar sérias irritações ou, em alguns casos, problemas mais graves.
  • Limpar as lentes de contato todos os dias: O mais indicado é limpar pela manhã e à noite. Então, organize uma rotina de higienização para as suas lentes de contato, obedecendo as recomendações do produto que devem ser usadas e médicas.
  • Não colocar as lentes de contato, caso tenha caído ou escapado: pode ocorrer durante a vontade de coçar o olho, ou naturalmente. Nesse caso, não as coloque novamente. Bactérias e microorganismos podem ter entrado em contato com as lentes, causando infecções e/ou lesões nos olhos.

 


Tudo o que você precisa para sua saúde e bem-estar!

Mais de 20 mil itens com os melhores preços do mercado!

Cadastre-se e receba um cupom de desconto em seu e-mail.

Stories para você

Alimentos para imunidade: O que comer para fortalecer a saúde?
Alimentos para imunidade: O que comer para fortalecer a saúde?
Quais os tipos de catarro e o que eles podem indicar?
Quais os tipos de catarro e o que eles podem indicar?
Frio e saúde: 5 Dicas de cuidados devemos tomar
Frio e saúde: 5 Dicas de cuidados devemos tomar
Baixa Imunidade: 6 Sintomas para ficar atento com a saúde!
Baixa Imunidade: 6 Sintomas para ficar atento com a saúde!

Posts Similares