Câncer do colo do útero, VOCÊ pode se prevenir.

A cada ano, são relatados cerca de 510.000 novos casos de câncer do colo do útero no mundo. A nível global, estimam-se 776.327 novos casos de câncer do últero para o ano 2030. No Brasil, o câncer do colo do útero é o segundo tumor mais frequente na população feminina.]

1. O que é HPV?

HPV é a sigla de um vírus, o Papilomavírus Humano.
Existem mais de 100 subtipos de HPV, sendo que 35 deles infectam a mucosa anogenital.
Pelo menos quinze tipos de HPV são considerados oncogênicos, isto é, podem causar câncer.
Outros tipos são considerados de baixo risco, causando basicamente lesões de caráter benigno como verrugas genitais que, em geral, regridem espontaneamente.

2. Quer dizer que o HPV pode causar câncer do colo do útero?

Sim. Um total de 99,7 % dos casos de câncer do colo do útero está associado aos tipos de HPV oncogênicos.

3. Quais são os principais tipos de HPV que podem causar câncer do colo útero?

Os HPVs 16,18,31 e 45 são responsáveis por mais de 80% dos casos de câncer do colo do útero.

4. Como o HPV é transmitido?

O HPV é transmitido por contato direto pele a pele, geralmente durante a relação sexual. No entanto, mesmo que não haja penetração, pode haver transmissão de vírus pelo simples contato com a pele infectada.

5. É comum mulheres serem infectadas pelo HPV?

Sim. Entre as mulheres sexualmente ativas, 50 a 80% delas serão infectadas por um ou mais tipos de HPV ao longo da vida. Na maioria dos casos, mais de 80% das infecções por HPV são transitórias e regridem espontaneamente.

6. Quais são os riscos da infecção por HPV em mulheres grávidas?

A ocorrência de HPV durante a gravidez não implica obrigatoriamente numa má formação do feto nem impede o parto vaginal ( parto normal). A via de parto ( normal ou cesariana) deverá ser determinada pelo médico após a análise individual de cada caso.

7. Como saber se estou com HPV?

Na maior parte das vezes, a infecção pelo HPV não apresenta sintomas. Por isso, é fundamental que você faça o seu exame de Papanicolau periodicamente para verificar se você está com alterações nas células do colo do útero, que podem levar ao câncer devido aos HPVs oncogênicos.

8. O que é infecção persistente?

A infecção persistente por HPV oncogênico é um importante fator de rirsco para a progressão de alterações celulares até o câncer do colo do útero.
Após a infecção, o HPV pode ficar no estado latente (inativo) por um período de 10 a 15 anos.

Reinfecções podem ocorrer devido á nova exposição ao mesmo tipo de HPV ou a outros durante a relação sexual.

9. A infecção pelo HPV tem cura?

Mulheres diagnosticadas precocemente, se tratadas adequadamente, têm praticamente 100% de chance de cura. Mas a melhor forma de evitar o câncer de colo do útero, que é causado pelo HPV oncogênico,é a prevenção.

10. O que é o Papanicolau e a Colposcopia?

O Papanicolau é um exame preventivo que deve ser feito anualmente e tem como objetivo detectar lesões precursoras do câncer do colo do útero.

O exame consiste na coleta de células do colo do útero, sendo um método indolor, simples e rápido.

Mulheres grávidas também podem se submeter ao exame, sem prejuízo para a sua saúde ou a do bebê.

Colposcopia é um exame que permite identificar com precisão o local e a extensão da doença.
Este exame é geralmente recomendado para mulheres que têm resultado anormal do exame de Papanicolau.

11. O uso da camisinha é eficaz para me prevenir?

O uso de  preservativos diminui, mas não evita totalmente a possibilidade de transmissão do HPV durante a relação sexual.

Estudos mostraram que o preservativo possui eficácia de até 80% na prevenção da infecção pelo HPV.
Porém, devemos lembrar que o uso de preservativo previne o contágio de várias doenças sexualmente transmissíveis, incluindo a AIDS, além de ser um método que evita a gravidez indesejada.

12. O que mais posso fazer para me prevenir?

É importante manter cuidados higiênicos, como não compartilhar objetos e roupas íntimas, assim como evitar fatores de risco como o tabagismo, os múltiplos parceiros sexuais e o início precoce de atividade sexual.
Além dos exames preventivos de Papanicolau e Colposcopia, a vacinação contra o HPV é outra opção para prevenir o câncer do colo do útero.

PROCURE SEMPRE UMA AVALIAÇÃO PESSOAL COM UM MÉDICO DA SUA CONFIANÇA.


Tudo o que você precisa para sua saúde e bem-estar!

Mais de 20 mil itens com os melhores preços do mercado!

Cadastre-se e receba um cupom de desconto em seu e-mail.

Stories para você

Alimentos para imunidade: O que comer para fortalecer a saúde?
Alimentos para imunidade: O que comer para fortalecer a saúde?
Quais os tipos de catarro e o que eles podem indicar?
Quais os tipos de catarro e o que eles podem indicar?
Frio e saúde: 5 Dicas de cuidados devemos tomar
Frio e saúde: 5 Dicas de cuidados devemos tomar
Baixa Imunidade: 6 Sintomas para ficar atento com a saúde!
Baixa Imunidade: 6 Sintomas para ficar atento com a saúde!

Posts Similares