Quem toma remédio de pressão pode tomar ômega 3?

0
1036
o que é hipertensão

O ômega-3 é um composto de ácidos graxos que contribuem para o bom-funcionamento do organismo e melhora da saúde como um todo. Por não ser sintetizado pelo corpo humano, a substância  precisa ser ingerido por meio da alimentação diariamente, a fim de garantir que seus níveis estejam sempre em equilíbrio. Contudo, por se tratar de uma gordura, muitas pessoas possuem dúvidas se quem toma remédio de pressão pode tomar ômega 3.

Além de auxiliar na perda de peso e fortalecimento de unhas e cabelos, a gordura ainda auxilia em uma gravidez saudável e no tratamento de diabetes e infertilidade. A deficiência do ômega 3 é facilmente observada em países com alto consumo de industrializados e em indivíduos que mantém uma alimentação vegetariana, e pode causar alterações no humor, doença autoimune, pele seca, problemas de memória e até problemas no coração.

Confira a seguir se pessoas com hipertensão pode ingerir o ômega 3 e quais cuidados devem ser tomados!

Cupom de Desconto Farmadelivery

Quem toma remédio de pressão pode tomar ômega 3?

Um estudo feito na Islândia mostrou que o consumo de 3 porções de salmão, um tipo de peixe conhecido por ser uma fonte rica em ômega 3, diminui a pressão arterial de jovens com sobrepeso ao longo de oito semanas de pesquisa.

alguns estudos mostraram que o consumo de ômega 3 em pacientes com quadros de hipertensão diminuiu significantemente a pressão arterial
alguns estudos mostraram que o consumo de ômega 3 em pacientes com quadros de hipertensão diminuiu significantemente a pressão arterial

Enquanto isso, a Associação Americana do Coração afirmou que os ácidos graxos podem reduzir levemente a pressão arterial. isso porque, por considerada uma gordura boa o ômega 3 diminui as inflamações do corpo, que são uma das causas de pressão alta.

Em conjunto, a gordura ainda ajuda na expansão dos vasos sanguíneos fazendo com que  a pressão diminua.

Isso significa que quem toma remédio de pressão pode tomar ômega 3 para auxiliar no tratamento e melhorar a saúde como um todo, desde que o médico que faça o acompanhamento da doença esteja de acordo. Afinal, é importante que um profissional indique as quantidades de ômega 3 a serem ingeridas por dia.

Pesquisas sobre o efeito do ômega 3 em pacientes hipertensos

O Journal of Hypertension fez uma análise de 90 estudos diferentes sobre o efeito do ômega 3 em pacientes que sofrem com hipertensão. Essa análise conseguiu identificar que a grande maioria dos grupos que usaram doses elevadas de ômega 3 tiveram suas pressão diminuídas.

Porém, vale lembrar que ingerir doses de ômega 3 em excesso pode não ser benéfico para a saúde dos hipertensos, da mesma forma que deixar de ingerir o medicamento de hipertensão e dar lugar a essa gordura pode causar um aumento da pressão. Afinal, o ômega 3 age como um auxiliador do medicamento.

Interações medicamentosas

Outro motivo que faz com que seja necessário buscar ajuda médica para analisar o quadro e as quantidades adequadas de ômega 3 de acordo com cada paciente é a interação da gordura com os medicamentos de hipertensão.

Em alguns casos, a combinação de ômega 3 com medicamentos de pressão alta pode fazer com que ela fique baixa demais.

Além disso, ainda pode causar efeitos colaterais como:

  • fadiga;
  • depressão;
  • tontura;
  • desmaio;
  • vertigem;
  • visão borrada;
  • respiração rápida e superficial;
  • sede;
  • problemas de concentração.

Quais são os alimentos ricos em ômega 3?

Os alimentos fontes de ômega 3 também podem auxiliar no tratamento da hipertensão, e devem ser consumidos diariamente. Os principais alimentos ricos na gordura são:

Peixes

Os peixes de água fria são as principais fontes do ômega 3, e devem ser ingeridos semanalmente. No entanto, fique atento para não remover a pele do peixe, já que é onde fica a maior parte da gordura.

conhecido popularmente por ser uma rica fonte de ômega 3, uma porção de salmão pode oferecer mais do que a necessidade diária da gordura
conhecido popularmente por ser uma rica fonte de ômega 3, uma porção de salmão pode oferecer mais do que a necessidade diária da gordura

Os peixes mais ricos em ômega 3 são:

  • salmão;
  • arenque;
  • sardinha;
  • atum;
  • linguado.

Óleos vegetais

Óleos como azeite e canola são ótimas fontes de ômega 3, sendo opções que devem ser incluídas em uma dieta saudável e balanceada. No entanto, vale a pena ficar de olho nas quantidades, já que esses produtos costumam ser bastante calóricos.

Oleaginosas

Castanhas, amêndoas, nozes e pistache são ricos em gorduras poli-insaturadas, o que inclui o ômega 3. Uma dica é comprá-las com casca para aproveitar melhor os nutrientes.

Camarão

Os frutos do mar como camarão e crustáceos também são ótimas fontes de ômega 3, e é importante dar preferência aos camarões frescos para garantir melhores concentrações da gordura.

o camarão é um dos frutos do mar mais ricos em ômega 3, sendo importante dar preferência aos mais frescos para conseguir maiores concentrações da gordura
o camarão é um dos frutos do mar mais ricos em ômega 3, sendo importante dar preferência aos mais frescos para conseguir maiores concentrações da gordura

Sementes

Chia e linhaça são exemplos de sementes ricas em gorduras boas, além de serem excelentes fontes de fibras e possam ser usadas tanto em refeições completas como almoço e jantar, como nos lanches junto a vitaminas e iogurtes.

Leguminosas

As leguminosas como soja, ervilha, feijão e grão-de-bico são outras opções ricas em ômega 3 para acrescentar na dieta. Porém, esses alimentos possuem concentrações mais baixas em comparação com sementes e oleaginosas.

Vegetais verde escuro

Os vegetais e hortaliças com folhas verde escuras como espinafre, couve, brócolis e rúcula são algumas opções para quem busca uma alimentação mais rica em ômega 3.

vegetais verde escuro como brócolis são ricos em ômega 3
vegetais verde escuro como brócolis são ricos em ômega 3

Qual a quantidade de ômega 3 para ingerir por dia?

A indicação varia conforme quadro e idade do paciente, ficando em torno de 300 mg da gordura diariamente. Porém, por ser uma junção de 3 ácidos-graxos, é essencial que exista uma proporção correta na composição dessas 3 gorduras. O mais consumido hoje em dia é o ômega 3 18/12, com 18% de EPA e 12% de DHA. No entanto, você também encontra no mercado opções com dosagens maiores como 33/22 e 40/20. 

Lembre de consultar o seu médico antes de adquirir o seu ômega 3, já que dosagens muito grandes para quem sofre de hipertensão pode acarretar em complicações como a baixa exagerada da pressão arterial.

Depois de ver que quem toma remédio de pressão pode tomar ômega 3 para auxiliar no tratamento da doença, converse com o seu médico sobre a possibilidade de suplementar a gordura. Além de fazer bem para o organismo como um todo, você estará contribuindo para que sua pressão arterial esteja sempre regulada.