Vitaminas para crianças é importantes para o seu com desenvolvimento.
| |

Vitaminas para crianças – Quais são as mais importantes?

As vitaminas são tão importantes para crianças quanto para os adultos. É durante a infância que o nosso organismo requer uma quantidade de nutrientes altíssimas para que possamos nos desenvolver de forma saudável.

Por si só, essa informação já basta para firmas que as vitaminas são importantes para crianças, porém, poucos pais sabem quais são as principais delas e como elas agem no organismo dos pequenos.

Com base nisso, neste artigo, você irá descobrir quais são as vitaminas para crianças mais importantes e porque. Leia o conteúdo até o final e descubra tudo sobre como garantir a melhor nutrição do seu filho.

Veja também: Vitaminas para Gestantes – Quais a grávida deve tomar?

Quais os benefícios das vitaminas para crianças?

Quando a criança completa seis meses, ocorre a transição do aleitamento materno exclusivo para a combinação com a introdução de outros alimentos. E é nessa fase que os pais devem começar a se atentar às vitaminas e minerais mais importantes na infância, para oferecer ao pequeno tudo o que ele precisa para crescer com saúde e não sofrer nenhuma deficiência.

A infância é um período determinante, pois a ingestão correta de vitaminas e minerais permite que a criança cresça e se desenvolva de maneira saudável.

A melhor forma de garantir que a criança receba todas a vitaminas necessárias é promovendo a introdução alimentar já considerando a importância da diversidade e qualidade nutricional. E, nesse ponto, as vitaminas são a chave principal para isso.

O organismo humano precisa de pequenas quantidades de vitaminas para o bom desempenho de funções como a formação de tecidos, o aumento da resistência dos dentes e ossos e o processo de cicatrização. Veja abaixo os principais tipos, seus papéis no corpo humano e em quais alimentos elas podem ser encontradas.

Quais vitaminas são importantes para crianças?



Vitamina A

Este nutriente é necessário em pequenas quantidades para o adequado funcionamento do sistema visual, crescimento e desenvolvimento, manutenção da integridade celular epitelial, função imune e defesa antioxidante

Além disso, é essencial para o desenvolvimento saudável da pele e dos ossos. Por outro lado, o consumo excessivo pode ocasionar sonolência e náuseas.

Incluir cenouras na alimentação é importante para repor vitamina A para crianças.
A vitamina A contribui para a formação dos dentes, do colágeno e é muito importante para a renovação celular.

É facilmente encontrada no leite materno e em alimentos como cenoura, espinafre e ovos

Vitamina D

Os níveis normais deste nutriente proporciona o bom desenvolvimento e manutenção dos ossos e dentes, reduz o risco de inflamações, obesidade e diabetes, além de aumentar a imunidade.   

A vitamina D pode ser produzida pelo próprio organismo, num processo protagonizado pela exposição das crianças aos raios solares. Esse banhos de sol podem ser realizados por pelo menos dez minutos ao dia ou três vezes na semana.

Ovo é uma fonte natural rica em vitamina D.
A deficiência da vitamina D pode desenvolver ossos finos, quebradiços ou deformados na criança.

Alguns dos alimentos riscos neste nutriente são carnes, salmão, mariscos, fígado, ovos, queijos e cogumelos.

Vitamina C

O composto desempenha um papel fundamental no sistema imunológico, aumentando a resistência contra o aparecimento de infecções e auxiliando no processo de cicatrização. Além disso, ela auxilia no metabolismo energético e melhora a absorção do ferro dos alimentos.

Consumir a fruta ou o suco da laranja garante uma boa reposição de vitamina C.
A vitamina C também pode melhorar o humor e evitar problemas oftalmológicos e derrames. 

É possível encontrar a vitamina C em abundância em frutas como limão, laranja, mexerica, melão e morango e, também em vegetais de folhagem verde escura.



Vitamina K

A vitamina K contribui para a formação óssea, necessária para coagulação sanguínea e promove a cicatrização. Por outro lado, a vitamina K2 impede a progressão do colesterol e reduz o risco de doenças cardiovasculares na infância. 

Nos casos onde a criança apresenta deficiência deste nutriente, pode ocorrer a tendência à hemorragia, causando o sangramento fácil nas gengivas e em pequenos ferimentos na pele.

Brócolis é uma fonte rica em vitamina k para crianças.
A vitamina K contribui para a saúde cardiovascular e dos ossos das crianças.

O composto pode ser encontrado em alimentos como ameixas secas, alface americana, espinafre, brócolis e rúcula.

Ferro

Esse elemento é essencial para o crescimento e desenvolvimento da criança e que, em deficiência, pode levar a casos de anemia, que pode reduzir as habilidades da linguagem e coordenação motora fina da criança.

O ferro pode ser facilmente encontrado na beterraba.
Produção de energia e a formação do sangue são algumas das funções do ferro no organismo da criança.

Para ingerir o ferro através dos alimentos, basta consumir fígado e outras carnes vermelhas, peixes, ovos, couve e beterraba.

Zinco

O destaque deste nutriente fica para a sua função em realizar a síntese de células imunológicas, agindo na defesa contra vírus, bactérias e fungos. 

Devido a sua potente ação antioxidante e anti-inflamatória, o zinco está diretamente relacionado com o crescimento e sistema cognitivo.

Nos casos de crianças desnutridas, a sua deficiência contribui para a falha na imunidade, no crescimento e maturação do esqueleto e também na percepção do paladar e apetite.

Feijão fornece várias vitaminas para crianças, inclusive Zinco.
Crianças que consomem zinco o suficiente, possuem uma absorção e digestão melhor de outros nutrientes.

O zinco pode ser encontrado em carnes vermelhas e de frango, feijão, castanhas, nozes e sementes.

Complexo B

O Complexo B trata-se da junção das vitaminas B1, B2, B3, B5, B6 e B12. Esses compostos agem na formação dos glóbulos vermelhos, no bom funcionamento do sistema neurológico, na produção da energia do corpo, além de manter o sistema imunológico forte. Entre as principais delas, podemos citar:

  • B6 para crianças – importante para o metabolismo de carboidratos e aminoácidos, regula a ação dos hormônios;
  • B2 para crianças – realiza o metabolismo das gorduras, açúcares e proteínas no organismo;
  • B12 para crianças – importante para o metabolismo celular no trato gastrointestinal, medula óssea e tecido nervoso.
É possível consumir as vitaminas do complexo b a partir do abacate.
O complexo B ajuda na produção de energia e na manutenção da saúde do sistema nervoso da criança.

Os alimentos ricos em vitaminas do complexo B são fígado, abacate e vegetais de folhagem verde-escura.



Como vimos, cada nutriente exerce uma função diferente e, a alimentação é um fator importante para garantir que a criança receba todas as vitaminas necessárias para o seu desenvolvimento saudável.

Porém, existem casos em que a introdução alimentar pode complicada havendo resistência da parte da criança para comer algumas das opções que destacamos ao longo da matéria.

Nestes casos, o pediatra pode receitar a suplementação com vitaminas específicas para o organismo da criança e, por isso, fazer um acompanhamento médico é muito importante nesta fase, pois garante a saúde e bem-estar do pequeno.

Após todas as informações disponíveis na matéria e a orientação do pediatra, confira as ofertas de vitaminas infantis no site da Farmadelivery e garanta já o melhor preço do mercado.


Tudo o que você precisa para sua saúde e bem-estar!

Mais de 20 mil itens com os melhores preços do mercado!

Cadastre-se e receba um cupom de desconto em seu e-mail.

Posts Similares