O que uma pessoa com colesterol alto não pode comer? 10 alimentos para evitar

0
417
o colesterol total é a soma de todos os tipos
o colesterol total é a soma de todos os tipos

A dieta de um paciente que sofre com colesterol alto deve ser focada em produtos naturais frescos como frutas e vegetais, proteínas e grãos integrais. No entanto, apesar de grande parte desses alimentos serem benéficos para quem sofre com o acúmulo de gordura nas artérias, nem sempre as proteínas disponíveis são as melhores para o quadro, gerando uma grande dúvida sobre o que uma pessoa com colesterol alto não pode comer.

O colesterol nada mais é do a gordura produzida pelo fígado a partir dos alimentos que ingerimos todos os dias. Isso significa que se ingerirmos alimentos que contam com gorduras saudáveis, nosso fígado produzirá uma quantidade maior de HDL, o que também acontece com as gorduras ruins.

Isto é: quanto mais alimentos gordurosos colocamos na nossa dieta, mais LDL é formado pelo nosso organismo, e consequentemente, maiores as chances de complicações severas por acúmulo de placas de gordura nas artérias.

veja os alimentos que devem ser evitados por quem tem colesterol alto
veja os alimentos que devem ser evitados por quem tem colesterol alto

Para que você entenda melhor o que se deve ou não comer quando o colesterol está alto, separamos uma lista completa de alimentos que devem ser evitados. Veja a seguir!

Cupom de Desconto Farmadelivery

10 alimentos que uma pessoa com colesterol alto não pode comer

1- Chocolate ao leite

O cacau em si é considerado um alimento rico em antioxidantes naturais e colesterol bom, que auxilia no controle da gordura ruim em nosso corpo. Porém, o chocolate ao leite leva uma quantidade muito pequena desse ingrediente, além de receber gorduras adicionais como a gordura hidrogenada.

o chocolate ao leite é rico em gorduras hidrogenadas e saturadas
o chocolate ao leite é rico em gorduras hidrogenadas e saturadas

A gordura hidrogenada é uma gordura feita a partir do óleo vegetal, que não somente contribui para o aumento dos níveis de LDL, como também contribui para o aumento da insulina relacionada à diabetes tipo 2 e aumenta o risco de câncer de mama.

2- Carnes gordurosas

Cortes gordos como a picanha e carne de porco em geral, são exemplos de carnes gordurosas que acabam interferindo na saúde do paciente. Isso porque a gordura animal, quando consumida em excesso, está ligada diretamente com o aumento da produção de LDL no corpo e com a formação de placas de gordura nas artérias.

O que significa que quanto mais gordura saturada consumimos, maior a produção de LDL e menor a produção de HDL.

3- Manteiga e margarina

Enquanto a margarina também é considerada uma gordura hidrogenada e deve ser evitada no dia a dia, a manteiga é rica em gorduras saturadas por ser um produto de origem animal. Como resultado, os dois alimentos afetam diretamente no metabolismo das gorduras dentro do nosso organismo, contribuindo diretamente para o aumento do colesterol quando consumidos todos os dias.

4- Creme de leite

O creme de leite é um produto rico em gordura saturada, já que é um derivado do leite. Porém, diferente da bebida, o creme de leite concentra toda a gordura existente no leite de vaca para criar uma textura mais cremosa, e deve ser evitada sempre que possível.

o creme de leite e o leite integral são ricos em gordura animal que contribuem para o aumento do colesterol
o creme de leite e o leite integral são ricos em gordura animal que contribuem para o aumento do colesterol

Caso o paciente opte por tomar leite com frequência em sua dieta, aconselha-se optar pelo leite desnatado, do qual são removidas todas as gorduras saturadas.

5- Frituras e empanados

As frituras e os empanados normalmente são mergulhados em gordura hidrogenada para ficarem crocantes, o que impacta diretamente na produção do LDL. O mais indicado para pessoas com colesterol alto é escolher sempre os alimentos assados, que normalmente não levam gordura em sua composição e acabam tendo um teor gorduroso menor.

6- Óleo vegetal

O óleo vegetal como soja e algodão, por exemplo, são óleos hidrogenados ricos em gorduras boas que agem no organismo para limpar as gorduras ruins das artérias.

Porém, esse tipo de alimento não somente impacta no aumento da produção de HDL, como também contribui para que o fígado metabolize quantidades maiores de LDL.

Com isso, o aumento do colesterol bom acaba não sendo o suficiente para conter a quantidade de colesterol ruim, causando uma elevação dessa gordura no organismo e colocando a saúde do paciente em risco.

7- Embutidos

Produtos como salames, linguiças e presuntos no geral são ricos em gorduras de origem animal, e assim como os outros alimentos ricos em gordura saturada, também devem ser evitados no cotidiano.

8- Queijos amarelos

Enquanto os queijos brancos são ricos em proteína e baixos em teor de gordura, considerados queijos magros, os amarelos como o cheddar, por exemplo, possuem uma concentração de gordura muito elevada.

Como resultado, acabam sendo prejudiciais à saúde dos pacientes que sofrem de colesterol alto.

os queijos mais amarelos são os mais ricos em gorduras
os queijos mais amarelos são os mais ricos em gorduras

O indicado é consumir sempre os queijos que possuem menos de 10% de gordura por porção como o queijo fresco e a ricota, por exemplo.

9- Salgados e tortas

Grande parte dos salgados e das tortas levam gordura hidrogenada na massa ou são fritos em óleo vegetal, que como vimos também são prejudiciais à saúde em quantidades elevadas.

Além disso, é muito comum que o recheio desses alimentos também seja rico em gorduras saturadas como o caso de queijos e cremes, por exemplo.

10- Sorvetes industrializados

Conhecidos especialmente pela sua cremosidade, os sorvetes industrializados usam a gordura vegetal hidrogenada para alcançar a textura que derrete na boca, podendo até mesmo ser rico em creme de leite para que a consistência fique mais cremosa.

Tudo isso contribui para o aumento do colesterol ruim, já que são gorduras nocivas que aumentam a produção de LDL pelo fígado.

Algumas opções de sorvetes artesanais, porém, podem levar outros tipos de alimentos para chegar na consistência desejada sem interferir na saúde do colesterol, como são os casos de sorvetes feitos a partir do abacate, fruta rica em gordura boa.

Depois de ver o que uma pessoa com colesterol alto não pode comer, não deixe de seguir nossas dicas e evitar esses alimentos em sua dieta, especialmente se você contar com um histórico familiar de colesterol alto ou já ter sido diagnosticado com o problema. Além disso, é essencial buscar ajuda médica para adequar sua dieta de acordo com as suas necessidades e com sua condição de saúde.

Colesterol e Trigliceres é coisa séria

Tanto o colesterol quanto o trigliceres são doenças sérias, que podem ser tratadas mas precisam de atenção.

Em grandes quantidades, ambos representam perigo para a saúde, especialmente na parte cardiovascular, pois provocam um acúmulo de gordura nas paredes das artérias, levando a possíveis complicações graves que vão desde esteatose hepática, pancreatite até infarto e o derrame cerebral (AVC).

Se você precisar e tiver recomendação médica, a Farmadelivery lhe auxilia oferecendo os melhores preços de remédios para colesterol e trigliceris, confira!