Saiba quais alimentos ajudam a baixar a glicose no sangue e o que pode ser feito.
| | |

Baixar a glicose no sangue: O que é bom e quais alimentos escolher?

A glicose alta causa no sangue estimula a produção de insulina e contribui para o ganho de peso. Já em pacientes diabéticos, o açúcar permanece no sangue, sendo importante baixar a glicose o quanto antes e controlar o problema.

A principal diferença é que em pacientes diabéticos, o pâncreas não produz insulina o suficiente ou o hormônio não atua da maneira como deveria no organismo. Ou seja, em pessoas saudáveis o organismo retira esse açúcar do sangue e coloca para dentro das células ou em estoques de gordura.

No organismo de diabéticos, as concentrações de glicose continuam altas na corrente sanguínea.

Entretanto, em ambos os casos isso acaba trazendo malefícios. Por isso, deve-se levar em consideração que, quanto mais recorrentes forem os picos de insulinas em pessoas saudáveis, maiores são as chances desses indivíduos desenvolverem pré-diabetes e diabetes.

Sendo assim, desenvolvemos uma lista de hábitos e alimentos que ajudam a baixar a glicose. Leia o conteúdo até o final e tire suas dúvidas. Confira a seguir!

+ Para saber mais sobre o assunto, leia também: O que é diabetes? 4 dicas de como prevenir a doença!

1. Faça refeições completas para baixar a glicose

Na hora das refeições, certifique-se de adicionar verduras, proteínas e carboidratos complexos como a batata doce e arroz integral. Isso promove o controle da glicose no sangue e faz com que ela não atinja níveis muito altos.

Além disso, sementes e grãos também ajudam a ingestão de uma maior variedade de nutrientes, além de dar saciedade.



Por exemplo, veja a seguir alguns dos alimentos que podem ser uma boa opção para incluir na sua dieta:

Abacate

A fruta é rica em ácido oleico, um ácido graxo com ação anti-inflamatória, que ajuda a reduzir os riscos de síndrome metabólica, uma desordem que pode desencadear obesidade e diabetes.

O abacate é uma fruta que pode ajudar a controlar os níveis de glicose.
O abacate é uma fruta que pode ajudar a controlar os níveis de glicose.

Pode-se consumir o abacate em diversos tipos de pratos salgados, vitaminas e doces, além de molhos como o Guacamole.

Espinafre

O espinafre é um vegetal rico em vitaminas A, C e E, aminoácidos e minerais como cálcio e potássio, que atuam regulando a pressão arterial e possuem propriedades antioxidantes e anti-inflamatórias.

Além disso, ele é rico em fibras que reduzem o açúcar no sangue, sendo um alimento muito importante durante as refeições.

Contudo, o espinafre cru possui altas concentrações de oxalato, um componente que interfere na absorção de minerais. Portanto, deve-se optar por consumir o espinafre cozido ou refogado.

Ainda, quem preferir, o alimento pode ser branqueado, uma técnica que consiste em ferver água, jogar o vegetal nela por 30 segundos e, em seguida, colocá-lo imediatamente em um banho de água com gelo.

Brócolis

O brócolis é um vegetal com pouco carboidrato e que ajuda a baixar o índice glicêmico, além de ser um vegetal rico em cromo, um mineral necessário para regular o funcionamento da insulina. Cada caule conta com aproximadamente 4g de fibras, que também é um fator importante no controle da glicemia.

O brócolis ajuda a manter os níveis de glicemia controlados.
O brócolis ajuda a manter os níveis de glicemia controlados.

O vegetal ainda é rico em vitamina C, um nutriente que segundo estudos britânicos poderia diminuir as chances do pacientes apresentarem níveis elevados de hemoglobina glicada.

Já os antioxidantes presentes na composição, ajudam a combater os radicais livres e reduz riscos de complicações relacionadas à diabetes como lesões nervosas e oculares, além de prevenir infecções.

A melhor forma de consumir o brócolis é por meio das suas folhas e talos cozidos ao vapor para não perder suas propriedades nutritivas. Contudo, quem preferir pode comer o alimento cru, em saladas, refogado e até mesmo empanado.

Ovo

Excelente fonte de proteína, o ovo é rico em vitaminas e gorduras saudáveis. Por isso, o alimento está liberado para pacientes diabéticos, pois ele contribui para a prevenção de doenças cardíacas e ajuda a melhorar os níveis de glicose no sangue em jejum.

Portanto, opte por consumir os ovos cozidos, mexidos e escalfados, que são formas mais saudáveis de se consumir o alimento.

+ Para mais informações, leia também: Prevenção da diabetes: 6 Dicas de prevenção e controle.

2. Escolha alimentos ricos em fibras

As fibras são fundamentais para o organismo de modo geral e são importantes aliadas tanto na prevenção quanto no tratamento do diabetes.

A fibra pode ser dividida em 2 grupos, solúveis e insolúveis. A primeira retarda a absorção de hidratos de carbono e reduz a absorção de lípidos no intestino. Já a segunda, ajuda as fezes a passarem mais rapidamente pelo intestino, reduzindo o tempo de trânsito intestinal.

É possível encontrar as fibras solúveis em alimentos como, feijão, ervilhas, aveia, cevada, maçã e frutas cítricas. No caso das insolúveis, você encontra no trigo integral ou produtos de farelo, feijão verde, batatas, couve-flor e nozes.



3. Fazer exercícios ajuda a baixar a glicose

A prática de atividades físicas ajuda a diminuir os níveis de açúcar por usar a glicose como primeira fonte de energia. Em outras palavras, os exercícios feitos regularmente atuam auxiliando o corpo a manter uma taxa mais baixa de glicemia, também contribuindo para a perda de peso.

Além disso, os exercícios ainda ajudam a evitar a obesidade e o sedentarismo, dois fatores de riscos que podem levar à diabetes. Sendo assim, é importante que pacientes diabéticos façam pelo menos 30 minutos de atividades aeróbicas diariamente e exercícios de resistência 2 vezes por semana.

4. Evite pular refeições

Mantenha sempre uma rotina com horários fixos e evite ficar de estômago vazio por longos períodos, pois isso faz com que a glicemia fique muito baixa.

Portanto, para os lanches tenha sempre uma barra de cereal sem açúcar por perto ou uma fruta de baixo índice glicêmico como o morango, por exemplo.

+ Para mais informações, acesse também: Quais frutas O Diabético não pode comer? E Quais são Recomendadas?

5. Inclua gorduras boas na sua alimentação para baixar a glicose

O azeite extra-virgem, peixes como salmão e sardinha, castanhas e o próprio abacate, são alimentos ricos em gorduras boas que fazem bem para a saúde do coração e do organismo como um todo.

Por isso, para ajudar a baixar a glicose, esses alimentos devem fazer parte do prato de pacientes pré-diabéticos e diabéticos diariamente.

6. Consuma os carboidratos corretos

Os carboidratos são conhecidos pela capacidade de aumentar o açúcar no sangue. Contudo, vale ressaltar que, ao fazer escolhas certas, esse tipo de alimento pode contribuir para o controle glicêmico. Isso porque arroz, massas e pães integrais são ricos em fibras que atuam na absorção da glicose pelo organismo.

Sendo assim, dê preferência para alimentos como a batata-doce e arroz integral, que trazem menos danos à saúde.

7. Coma frutas com casca para baixar a glicose

Maçã e pera são exemplos de frutas que muitas pessoas preferem comer sem a casca. Com isso, elas acabam perdendo grande parte das fibras, além dos nutrientes que também são encontrados especialmente nessa parte.

prefira sempre as frutas com a casca
Prefira sempre as frutas com a casca.

Portanto, quando consumir frutas e também alguns vegetais, lave bem e deixe de molho em uma solução de água com vinagre para remover as impurezas. Além disso, prefira consumi-las ainda com a casca.



Viu como pode ser fácil baixar a glicose? Sendo assim, sempre procure a orientação médica caso note sintomas como sede excessiva, cansaço e micção frequente. Ou ainda, se tiver tido um exame de glicemia alto.

Com isso, você poderá investigar quadros de diabetes ou pré-diabetes, para então fazer o tratamento adequado e evitar complicações futuras para sua saúde.

Diabetes na Farmadelivery

A diabetes é uma doença que atinge milhares de pessoas do mundo todo, de adultos até crianças e adolescentes.

Ou seja, se você já se consultou com um médico e sabe quais medicamentos usar, a Farmadelivery pode lhe auxiliar com ótimos preços nos aparelhos medidores de glicemia e diabetes, agulhas e seringas de insulina e com todo leque de opções que da líder mundial Accu-Chek!

Resumo: O que o diabético pode comer sem culpa e sem prejuízo para saúde?


Tudo o que você precisa para sua saúde e bem-estar!

Mais de 20 mil itens com os melhores preços do mercado!

Cadastre-se e receba um cupom de desconto em seu e-mail.

Stories para você

Veja 3  receitas para eliminar catarro
Veja 3 receitas para eliminar catarro
5 doenças comuns do tempo frio.
5 doenças comuns do tempo frio.
Gripe e resfriado: Você sabe quais são as diferenças?
Gripe e resfriado: Você sabe quais são as diferenças?
O que o diabético pode comer sem culpa e sem prejuízo para saúde?
O que o diabético pode comer sem culpa e sem prejuízo para saúde?

Posts Similares