Saiba o que aconece com o organismo quando a glicose está alta.
| |

Glicose alta: O que acontece, quais as causas e sintomas?

A glicose alta no sangue é o principal sintoma que antecede a diabetes, embora nem sempre indique que o paciente esteja com a doença.

Além do risco para a saúde por aumentar as chances da enfermidade, quando a glicose está alta o corpo passa por diversos processos metabólicos que alteram a qualidade de vida do indivíduo.

Quando o açúcar está em altos níveis na corrente sanguínea significa que o corpo não está absorvendo corretamente a glicose que está sendo ingerida por meio da alimentação. Isso pode significar que o paciente parou de produzir insulina, ou que o hormônio não está mais atuando como deveria dentro do organismo.

Sendo assim, criamos este conteúdo para trazer mais informações sobre o que acontece quando os níveis de açúcar estão muito altos no sangue e como isso interfere no organismo. Leia até o final e saiba mais!

+ Para mais informações, acesse também: Diabetes mellitus: Mitos e verdades que você precisa saber!

O que é glicose?

A glicose é um dos carboidratos mais importantes na biologia, utilizado como fonte de energia pelas células do organismo.

Esse monossacarídeo glicose é obtido através da alimentação e seus níveis no sangue (glicemia) são regulados pela ação de dois hormônios que agem de maneira contrária: a insulina e o glucagon.

A glicose em níveis altos ou baixos, podem ser prejudiciais ao organismo.

O que acontece quando a glicose está alta?

1. Mais fome do que o normal

A glicose é uma das fontes de energia mais usadas pelo nosso organismo para conseguir funcionar. Contudo, quando não é usada corretamente ela pode gerar uma sensação de fome que nunca é saciada.

Quando a glicose está alta no sangue a fome tende a aumentar.
Quando a glicose está alta no sangue a fome tende a aumentar.

Isso porque neste caso, as células do corpo não conseguem transformar a glicose em energia. Ou seja, o corpo entende que o pessoa não comeu e que não possui combustível o suficiente para realizar todos os processos vitais. Com isso, ocorre o aumento da fome, mesmo depois de poucas horas da última refeição.



2. Cansaço em excesso

Com pouca ou nenhuma energia chegando para dentro das células, o indivíduo começa a sentir um cansaço excessivo por não ter combustível para realizar suas funções. Isso faz com que, mesmo tendo uma boa noite de sono não seja o suficiente para remover a fadiga.

3. Vontade excessiva de urinar

Ao filtrar o sangue, os rins percebem que os níveis de açúcar estão elevados e tentam eliminá-lo do organismo para que não retornem para a corrente sanguínea. Assim, o organismo dilui o excesso de glicose na água e elimina a substância pela urina

Esse processo faz com que o corpo tenha que usar mais água do que o indivíduo ingere durante o dia, causando uma desidratação até que os níveis de açúcar se normalizem.

Além disso, como os rins não conseguem filtrar todo o açúcar, uma parte volta para o sangue fazendo a glicose continuar alta. Em pacientes diabéticos esse ciclo vicioso só se finaliza quando a doença é tratada.

4. Glicose alta causa sede em excesso

Com o corpo usando muita água para eliminar a glicose, o organismo começa a ficar desidratado e aumenta a sede do paciente. Como resultado, o paciente sente vontade de urinar cada vez mais, a fim de tentar diminuir os níveis de açúcar do sangue.



5. Visão turva

Outro efeito da glicose alta no organismo é a visão turva devido ao inchaço da lente dos olhos, o cristalino, causando uma alteração na forma e flexibilidade da visão. O efeito disso é que o paciente não consegue enxergar as coisas com o foco correto. 

De modo geral, este sintoma acontece quando a glicemia está em níveis muito altos no sangue, e só diminuem quando ela volta os níveis normais.

+ Para saber mais sobre o assunto, leia também: Problemas de visão relacionados ao diabetes: Quais são, o que causa e o que fazer?

6. Maior risco em contrair diabetes

Quando consumimos alimentos que aumentam a glicose no sangue mais do que o normal, como carboidratos e açúcares, o pâncreas libera mais insulina do que o normal para conseguir conter o açúcar alto dentro do organismo.

Picos de insulina no sangue aumentam as chances do desenvolvimento da diabetes.
Picos de insulina no sangue aumentam as chances do desenvolvimento da diabetes.

No entanto, ao repetir esse processo diversas vezes seguidas, o órgão pode acabar sofrendo uma sobrecarga e parar de produzir o hormônio ou passa a produzir em menores quantidades.

Em outros casos, o organismo do paciente se torna resistente à insulina, ou seja, o hormônio não consegue remover todo o açúcar do sangue e colocar dentro das células. Essas duas situações contribuem para que o paciente desenvolva quadros de diabetes a longo prazo.

7. Riscos de doenças graves

A glicose alta deixa o paciente mais vulnerável a derrames e infartos, já que dificulta a passagem de sangue pelas artérias. A estimativa é que os diabéticos sejam muito mais propensos a desenvolverem essas condições do que indivíduos saudáveis.

O que faz a glicose subir no sangue?

Durante a manhã, a glicose pode subir no sangue após dois processos que ocorrem no fígado, chamados de glicogenólise e gliconeogênese.

A glicogenólise acontece quando o organismo quebra e libera a glicose armazenada, enquanto a gliconeogênese é a criação da glicose a partir de proteínas ou gorduras. Além disso, a falta da insulina no organismo ou sua má atuação também causa esse efeito.

Contudo, vale ressaltar que os dois processos acontecem naturalmente com todos os indivíduos, e não somente com os diabéticos. Porém, em pessoas saudáveis, a insulina é secretada de forma normal para evitar que a glicose aumente no sangue sempre que isso acontece.

Além disso, outros fatores que contribuem para o aumento da glicose no sangue são:

  • Falta de atividades físicas e sedentarismo;
  • Refeições ou lanches ricos em carboidratos e açúcares;
  • Efeitos colaterais de medicamentos;
  • Cirurgia;
  • Infecções;
  • Alterações nos níveis hormonais (normalmente durante a adolescência ou período menstrual);
  • Stress.

+ Saiba mais sobre os Sintomas da Diabetes em: Sintomas da Diabetes – 10 Sintomas para ficar atento!

Quais os sintomas quando a glicose está alta?

Além das situações descritas acima, o paciente também pode apresentar os seguintes sintomas:

  • Perda de peso em excesso, que acontece normalmente em pacientes com diabetes tipo 1, já que nesses casos o corpo não consegue absorver nenhuma quantidade da glicose. Como isso, o organismo queima a própria gordura para conseguir energia, fazendo com que o paciente perca muito peso em um curto período de tempo.
  • Pele seca e dificuldade na cicatrização de cortes e ferimentos;
  • Dores de cabeça constante;
  • Alterações no comportamento.


Agora que você já sabe o que acontece quando a glicose está alta e quais são os riscos para a saúde, procure a orientação médica caso tenha suspeitas de diabetes ou quadros da doença na família.

Além disso, adote hábitos saudáveis e evite alimentos ricos em açúcares e carboidratos refinados com muita frequência. Portanto, não deixe de consultar um nutricionista para a melhor orientação.

Diabetes na Farmadelivery

A diabetes é uma doença que atinge milhares de pessoas do mundo todo, de adultos até crianças e adolescentes.

Ou seja, se você já se consultou com um médico e sabe quais medicamentos usar, a Farmadelivery pode lhe auxiliar com ótimos preços nos aparelhos medidores de glicemia e diabetes, agulhas e seringas de insulina e com todo leque de opções que da líder mundial Accu-Chek!

Resumo: O que o diabético pode comer sem culpa e sem prejuízo para saúde?


Tudo o que você precisa para sua saúde e bem-estar!

Mais de 20 mil itens com os melhores preços do mercado!

Cadastre-se e receba um cupom de desconto em seu e-mail.

Stories para você

Veja 3  receitas para eliminar catarro
Veja 3 receitas para eliminar catarro
5 doenças comuns do tempo frio.
5 doenças comuns do tempo frio.
Gripe e resfriado: Você sabe quais são as diferenças?
Gripe e resfriado: Você sabe quais são as diferenças?
O que o diabético pode comer sem culpa e sem prejuízo para saúde?
O que o diabético pode comer sem culpa e sem prejuízo para saúde?

Posts Similares