Conheças os principais tipos e qual a melhor máscara de proteção.
|

Qual a melhor máscara de proteção contra Covid e Gripe?

Coma alta dos casos de Coronavírus e Gripe no país, especialistas e profissionais da saúde reforçam sobre a importância das medidas de saúde. A principal delas é uso de máscaras de proteção. No entanto, muito ainda se questiona sobre qual a melhor máscara diante os inúmeros tipos que existem.

Antes mais nada, deve-se avaliar a eficácia e segurança do material. Por isso, não devemos comprar a primeira opção que encontrarmos, mas sim, aquela que melhor atende a nossa necessidade.

Portanto, para auxiliar e esclarecer as dúvidas de muitos, desenvolvemos esse conteúdo destacando os principais tipos e qual a melhor máscara de proteção. Leia a matéria até o final e saiba mais.

+ Para saber mais, acesse também: Como se prevenir da gripe? 10 dicas para sua saúde.

O que é e por que usar máscara?

Máscaras faciais são equipamentos de proteção individual – EPIs, que filtram a respiração e impedem a troca de partículas entre o usuário e o ambiente que o cerca. 

Tanto o Coronavírus quanto o Influenza, são vírus respiratórios que se disseminam facilmente e, por isso, o uso da máscara se tornou fundamental tanto para quem está ou não com a doença, mesmo que não apresente sintomas.

A máscara é um equipamento de proteção individual que impede a disseminação de partículas virais.
A máscara é um equipamento de proteção individual que impede a disseminação de partículas virais.

Neste caso, para quem está contaminado, a máscara age retendo as partículas virais dentro dela e, protege quem não está doente, filtrando o ar e impedindo a passagem de partículas virais.

Antes, o uso cotidiano de máscaras era feito apenas em alguns países asiáticos.

Sendo assim, se recusar usar a máscara pode colocar em risco não só a sua saúde, como também a de outros. Ou seja, o uso do acessório é um ato de segurança e respeito.



O que torna a máscara eficaz?

A Covid-19 e a Gripe são doenças transmitidas, na maioria das vezes, por secreções como saliva e partículas de espirro ou tosse, que ficam suspensas no ar. Portanto, para nos proteger, devemos impedir que essas partículas entrem em contato com o sistema respiratório – boca e nariz.

Deste modo, consideramos que uma máscara altamente eficaz deve:

  • Vedar – Isolar a região protegida, mantendo o maior contato possível com a pele do usuário, impedindo que os contaminantes cheguem até a face. 
  • Filtrar o ar – A máscara deve conter microperfurações ou camadas que impeçam a passagem de partículas, mas que permitam a passagem do oxigênio normalmente.

Além desses fatores, deve-se avaliar o tipo de máscara e o seu formato, já que ela deve se ajustar perfeitamente ao rosto. Veja a seguir, os principais tipos de máscaras e suas diferenças.

+ Para saber mais, leia também: Diferença entre Gripe e Covid-19 e quando ir ao médico?

Quais são os tipos de máscara de proteção?

Máscaras de Tecido

Dentre todas as opções, as máscaras de tecido são artesanalmente produzidas e mais baratas, pois são laváveis e reutilizáveis. No entanto, pesquisas apontam que esse modelo não é tão eficaz, principalmente no caso das novas variantes mais infecciosas.

As máscaras de tecido são mais confortáveis e econômicas, porém não são tão seguras quanto as demais.
As máscaras de tecido são mais confortáveis e econômicas, porém não são tão seguras quanto as demais.

Os modelos de tecido ainda podem ser utilizadas, mas por cima ou embaixo da máscara cirúrgica para aumentar a vedação do acessório. Segundo a orientação da Organização Mundial da Saúde – OMS, as máscaras de pano devem possuir três camadas de tecido:

  1. Camada exterior deve ser um material resistente à água, como polipropileno ou o poliéster;
  2. A do meio deve ser material sintético ou de algodão para atuar como filtro;
  3. Camada interior de material que absorva a água como o algodão. 

Máscaras Cirúrgica

Esse tipo de máscara é produzido com materiais específicos e descartáveis e seu uso é recomendado devido o alto índice de proteção contra o Covid-19 e a Gripe.

As máscara cirúrgicas se ajustam bem ao rosto, sem deixar aberturas e cobrem perfeitamente a boca e o nariz. Além disso, veja outros diferenciais do modelo:

  • Seu material filtra partículas menores, que os tecidos comuns não filtram;
  • A maioria possui um arame que se adequa perfeitamente ao contorno do nariz, aumentando a proteção.
Máscaras cirúrgicas são descartáveis e mais seguras que as de tecido.
Máscaras cirúrgicas são descartáveis e mais seguras que as de tecido.

Como falamos anteriormente, a proteção é ainda mais eficiente quando colocada em conjunto com a máscara de tecido, para isso, deve-se colocar primeiro a máscara descartável e a de tecido por cima. Essa é uma boa opção para quando houver a necessidade de permanecer em ambientes com muitas pessoas, como no trabalho ou transporte público.

Máscaras N95/PFF2

Os modelos de máscara PFF2 ou N95 são considerados os mais seguros e recomendados. A diferença dos nomes se dá por conta da padronização da ANVISA utilizar o termo PFF2, que possui as mesmas características que o padrão americano N95

Normalmente utilizada profissionais de saúde, devido a excelente proteção contra gotículas bem pequenas de saliva, são compostas por diferentes materiais e apresentam várias camadas, que proporcionam melhor filtragem. Além disso, possui formato anatômico que se ajusta melhor ao rosto.

As máscaras N95 ou PFF2 são mais seguras e eficazes na prevenção da gripe e covid.
Após aguardar um período mínimo de 3 dias, esse modelo pode ser reutilizado de forma segura.

Para maior segurança, certifique-se que a embalagem do modelo possua selo da Inmetro e a nomenclatura (S) ou (SL) na embalagem, que significam:

  • (S) – Capacidade de reter partículas sólidas e líquidas à base de água;
  • (SL) – Retém partículas sólidas e líquidas à base de óleo ou outro líquido diferente de água.

Vale salientar que, mesmo se tratando de um acessório com material mais resistente, as máscaras N95 ou PFF2 não são laváveis.



Mas afinal, qual a melhor máscara?

Com tudo que vimos até agora, é possível ter noção sobre qual a melhor máscara para prevenção da Covid-19 e gripe.  

Sendo assim, a opção ideal e mais indicada é a PFF2/N95. Apesar de não ser tão popular e ser mais cara que as demais, ela possui alta capacidade de filtragem e um formato anatômico que garante melhor vedação, oferecendo mais proteção.

No entanto, na falta dela, continue utilizando as opções disponíveis. O importante aqui, é frisarmos a necessidade do uso da máscara para o controle e combate ao Covid-19, gripe e outras doenças virais respiratórias.

Máscaras Faciais Dorte

Para sua segurança, no site da Farmadelivery, você encontra a linha Dorte de máscaras e luvas descartáveis, acessórios de alta qualidade e resistência.

Linhas Dorte de máscaras e luvas.
Linhas Dorte de máscaras e luvas.

Além disso, todos os itens da linha podem ser utilizados por médicos, pacientes, visitantes em leito hospitalar ou UTI, profissionais de estética, indústria alimentícia, farmacêutica, entre outros. 

+ Aproveite e leia também: 14 Dicas para melhorar da gripe de forma rápida.

Agora que você já conhece um pouco mais sobre o assunto, sabe o quanto é importante continuar utilizando máscara para a sua saúde e do próximo. Sendo assim, aproveite as ofertas de saúde e bem-estar no site da Farmadelivery. Acesse e garanta os melhores descontos!

Resumo: Qual a melhor máscara de proteção?


Tudo o que você precisa para sua saúde e bem-estar!

Mais de 20 mil itens com os melhores preços do mercado!

Cadastre-se e receba um cupom de desconto em seu e-mail.

Stories para você

Veja 3  receitas para eliminar catarro
Veja 3 receitas para eliminar catarro
5 doenças comuns do tempo frio.
5 doenças comuns do tempo frio.
Gripe e resfriado: Você sabe quais são as diferenças?
Gripe e resfriado: Você sabe quais são as diferenças?
O que o diabético pode comer sem culpa e sem prejuízo para saúde?
O que o diabético pode comer sem culpa e sem prejuízo para saúde?

Posts Similares