Saiba quais são os 5 tipos de diabetes.
| |

5 tipos de diabetes: Quais são? Conheça mais sobre cada um deles

Diferente do que grande parte da população acredita, existem mais do que 2 tipos de diabetes que não englobam a diabetes gestacional e a pré-diabetes, levando em conta que o tipo 2 da doença é dividido em 4 classes diferentes. Mas você sabe quais são os 5 tipos de diabetes e suas diferenças?

Caracterizada pela insuficiência do pâncreas em produzir insulina o suficiente, a diabetes tipo 2 na verdade também pode ser caracterizada pela envelhecimento e pela má atuação da insulina dentro do organismo.

Além disso, enquanto a diabetes tipo 1 é hereditária, grande parte dos pacientes da diabetes tipo 2 não possuem histórico familiar do quadro, apesar da herança genética aumentar as chances do desenvolvimento da doença.

Portanto, confira a seguir quais são os tipos de diabetes e suas principais características. Leia o conteúdo até o final e tire suas dúvidas!

+ Para mais informações, acesse também: Como funciona o corpo de quem tem diabetes e quais funções são afetadas?

Os 5 tipos de diabetes

Enquanto a diabetes tipo 1 é uma doença autoimune em que o organismo ataca as células do pâncreas responsáveis por produzir a insulina, a Diabetes Grave Autoimune é um dos grupos da diabetes tipo 2.

Essa também pode apresentar deficiência na produção de insulina e anticorpos autoimunes. Porém, as diferenças são que além de surgir tardiamente, na diabetes grave autoimune o pâncreas não deixa de produzir insulina de forma definitiva.

Somente o médico pode diagnosticar a presença de um dos 5 tipos de diabetes no paciente.
A diabetes tipo 2 é dividida em 4 tipos de diabetes.

A Diabetes Insulinodependente Severa, por sua vez, se caracteriza pela insuficiência de insulina que não tem ligação com o peso nem com deficiência autoimune. Normalmente, esse tipo de diabetes pode se desenvolver por meio da alimentação. Além disso, seus pacientes possuem um risco maior em desenvolver doenças que levam à cegueira.

Outro tipo da doença é a Diabetes Resistente à Insulina, que de modo geral afeta pessoas com sobrepeso e atribui grande riscos de complicações renais. Nesse caso o paciente até consegue produzir insulina, mas o corpo não reage ao hormônio de forma adequada, fazendo com que as células não recebam toda a glicose e ela permaneça no sangue em quantidades elevadas.

Por fim, outro dos 5 tipos de diabetes é a Diabetes de Meia-idade. Essa, por sua vez, é mais amena e fácil de controlar. Geralmente surge durante a velhice e suas características também se baseiam na baixa produção de insulina pelo pâncreas ao longo da vida.



Dúvidas frequentes sobre a diabetes

• Quais são os primeiros sintomas da diabetes?

O primeiro sintoma que tende a surgir é o aumento da produção de urina. Porém, é importante lembrar que a maioria dos casos de diabetes tipo 2 os pacientes só apresentam sintomas quando a doença está avançada, sendo importante manter uma rotina de exames em dia.

a fome em excesso é um dos sintomas da diabetes
A fome em excesso é um dos sintomas da diabetes.

Contudo, outros sintomas que podem surgir são:

  • Fome e sede em excesso;
  • Aumento da frequência de micção;
  • Cansaço;
  • Perda de peso.

+ Para mais informações, leia também: Por que diabetes faz urinar?

• Crianças podem desenvolver diabetes?

Apesar da maioria das crianças diabéticas apresentarem o tipo 1 da doença devido ao histórico familiar.

Contudo, o número de crianças com diabetes do tipo 2 vem crescendo devido à má alimentação infantil nos últimos anos. Os sintomas, porém, tendem a ser os mesmo que nos adultos.

• Quando os níveis de açúcar são preocupantes?

Os valores considerados normais para o exame de glicemia devem ficar entre 70 e 100 mg/dL em jejum e até 140 mg/dL após as refeições.

Porém, alguns pacientes podem receber resultados de 125 mg/dL no exame de glicemia de jejum, o que não significa necessariamente diabetes. Neste caso, é essencial investigar mais a fundo repetindo esse e outros exames.

Os valores preocupantes são aqueles acima de 180 mg/dL que são mantidos por mais de 2 horas seguidas. Ao chegar nesse resultado, torna-se tóxico para o organismo, capaz de causar danos permanentes aos olhos, rins, nervos da perna e coração.



• A diabetes tem cura?

Não! Infelizmente a diabetes é uma doença ainda sem cura, onde os pacientes recebem tratamentos que duram a vida toda.

No entanto, a boa notícia, é que grande parte dos pacientes conseguem levar uma vida normal com menos riscos de desenvolver complicações. Para isso, a pessoa deve fazer o uso correto dos medicamentos, mudar hábitos alimentares e praticar atividades físicas regulamente.

a mudança no estilo de vida ajuda a prevenir e retardar a diabetes tipo 2
a mudança no estilo de vida ajuda a prevenir e retardar a diabetes tipo 2

Porém, a diabetes tipo 1 não tem como evitar. Isso se deve ao fato dela ser um defeito no organismo com origem genética. No casos de pacientes com predisposição genética, a mudança de estilo de vida pode até mesmo retardar a doença.

• Existem alimentos que causam diabetes?

Depende. O consumo de alguns alimentos em grandes quantidades pode contribuir para o desenvolvimento da doença. Contudo, isso não significa que não se possa ingerir em menor frequência ou em pequenas quantidades.

Pães, massas e doces, por exemplo, são alimentos que ao consumir em excesso podem aumentar a secreção de insulina no sangue.

Quando consumidos periodicamente, não causam grandes danos no organismo da maioria das pessoas. No entanto, ao consumir de forma frequente, pode gerar o que chamamos de resistência à insulina, comum em pessoas pré-diabéticas.

Nesse estágio, o paciente produz a insulina, mas ela já não atua no organismo como deveria e não consegue jogar a glicose do sangue para dentro das células. Com isso, o organismo passa a estocar parte dessa glicose como gordura, usar uma pequena parcela do açúcar como energia e liberar o restante pela urina.

Ao final, o paciente além de ter maiores riscos de contrair diabetes, também poderá sofrer com a obesidade.

Assim, a dica é investir em alimentos saudáveis, que ajudam a controlar a glicemia no sangue como. Algum exemplos são a maçã e o coco, versões integrais de pães e massas.

Além disso, alinhe a alimentação com atividades físicas, Isso é importante para garantir que a glicose fique sempre em níveis adequados, pois durante a prática dos exercícios o corpo usa o açúcar como a principal fonte de energia.

dê preferência a alimentos integrais para ajudar a controlar a glicemia
Dê preferência a alimentos integrais, que contribuem para o controle da glicemia.

Sendo assim, agora que você já sabe quais são os 5 tipos de diabetes e como cada uma atua no organismo, é essencial manter os exames de rotina em dia para identificar possíveis quadros da doença.

Isso porque, por ser silenciosa, muitas pessoas diabéticas acabam sendo diagnosticadas quando o quadro já se agravou e começa a apresentar complicações.



Diabetes na Farmadelivery

A diabetes é uma doença que atinge milhares de pessoas do mundo todo, de adultos até crianças e adolescentes.

Ou seja, se você já se consultou com um médico e sabe quais medicamentos usar, a Farmadelivery pode lhe auxiliar com ótimos preços nos aparelhos medidores de glicemia e diabetes, agulhas e seringas de insulina e com todo leque de opções que da líder mundial Accu-Chek!

Resumo: O que o diabético pode comer sem culpa e sem prejuízo para saúde?

Gostou do nosso conteúdo? Aproveite e veja também as ofertas no site da Farmadelivery. Lá você encontra tudo para os cuidados da sua saúde bem-estar com descontos imperdíveis. Confira!


Tudo o que você precisa para sua saúde e bem-estar!

Mais de 20 mil itens com os melhores preços do mercado!

Cadastre-se e receba um cupom de desconto em seu e-mail.

Stories para você

Quais as melhores opções de hidratante labial?
Quais as melhores opções de hidratante labial?
4 dicas para salvar sua pele no frio
4 dicas para salvar sua pele no frio
Hidratação Natural: Veja 3 dicas para manter a pele hidratada!
Hidratação Natural: Veja 3 dicas para manter a pele hidratada!
Por que os lábios ficam ressecados no frio?
Por que os lábios ficam ressecados no frio?

Posts Similares